Fórmula 1 em 2019 vem com novidades

A confirmação de Stroll na Racing Point (Force Indian), encaixou a última peça que faltava no grid de pilotos da Fórmula 1 para a temporada 2019. Com as 20 vagas definidas, a categoria passa pela sua maior reformulação de competidores desde 1950: quatro dos 10 times foram repaginando completamente sua equipe de pilotos.

Foto Reprodução

Confira a escalação das equipes de Fórmula 1 para o 2019

Piloto País Equipe Idade
Lewis Hamilton Inglaterra Mercedes 33 anos
Valtteri Bottas Finlândia Mercedes 29 anos
Sebastian Vettel Alemanha Ferrari 31 anos
Charles Leclerc Mônaco Ferrari 21 anos
Max Verstappen Holanda RBR 21 anos
Pierre Gasly França RBR 22 anos
Daniel Ricciardo Austrália Renault 29 anos
Nico Hulkenberg Alemanha Renault 31 anos
Romain Grosjean França Haas 32 anos
Kevin Magnussen Dinamarca Haas 26 anos
Carlos Sainz Jr. Espanha McLaren 24 anos
Lando Norris Inglaterra McLaren 19 anos
Sergio Pérez México Force India 28 anos
Lance Stroll Canadá Force India 20 anos
Kimi Raikkonen Finlândia Sauber 39 anos
Antonio Giovinazzi Itália Sauber 24 anos
Daniil Kvyat Rússia STR 24 anos
Alexander Albon Tailândia STR 22 anos
Robert Kubica Polônia Williams 33 anos
George Russell Inglaterra Williams 20 anos

Na escuderia pentacampeã, tudo igual. O campeão de 2018, Hamilton, está no time desde 2013 e tem contrato para mais 2 anos. Já o seu companheiro, Valtteri Bottas tem contrato até o final de 2019. O finlandês que se cuide, pois após uma temporada muito ruim, não será nenhuma surpresa se ele for trocado em 2020 pelo francês queridinho, Esteban Ocon.

Foto Reprodução

Na equipe italiana desde 2015, Vettel terá um novo companheiro de time, o monegasco e Charles Leclerc, que foi contratado pelo time de Maranello após uma temporada até que boa pela Sauber em 2018. Kimi Raikkonen encerrou sua segunda passagem pelo time italiano para voltar a equipe que o lançou na categoria, a Sauber.

Charles Leclerc é a novidade para a temporada na Ferrari – Foto Reprodução

A Williams mudou tudo e serviu de palco para uma das maiores histórias de superação da F1 e do esporte mundial. Após um grave acidente de rali, Robert Kubica finalmente voltará a guiar um Fórmula 1 como titular. Ao lado dele, o atual campeão da Fórmula 2 e piloto da Mercedes, George Russell, assume o lugar de segundo no time.

Lance Stroll vai para a Racing Point Force India e Sergey Sirotkin foi dispensado após uma temporada horrível num carro muito ruim, um dos piores já apresentados pelo time de Grove.

Robert Kubica retorna a F1 para a temporada 2019 – Foto Reprodução

Você também pode gostar: