Tem brasileiro de olho na luta entre Whittaker e Adesanya pelo UFC 243

Melbourne, na Austrália, receberá neste sábado o UFC 243. O evento terá como atração principal o embate entre Robert Whittaker e Israel Adesanya, que duelam pelo cinturão dos pesos médios, em luta que promete ser extremamente equilibrada.

Em casa, o australiano Whittaker tentará sua primeira defesa de título após ser promovido a campeão linear em 2017. Sua última luta, contra Yoel Romero, não foi válida pelo cinturão, já que o cubano não bateu o peso. Seu cartel soma sete triunfos no UFC por decisão dos árbitros, além de quatro nocautes e duas derrotas em 13 confrontos.

Do outro lado estará o neozelandês Adesanya, invicto em 17 lutas na carreira, que busca o título linear da categoria após se sagrar campeão interino vencendo Kelvin Gastelum em seu compromisso mais recente, no último mês de abril.

Quem acompanhará de perto essa luta com muita ansiedade é Paulo Borrachinha, convidado de honra da organização. O brasileiro deve ser o futuro desafiante ao cinturão do peso médio e o vencedor do duelo principal do UFC 243, deve ser o seu próximo oponente no octógono.

“Estou realmente torcendo para (Israel) Adesanya vencer. Eu acho que (a luta) será muito dura. Eu não acho que ele conseguirá passar do Whittaker, mas eu estou pedindo a Deus para ele vencer, porque eu adoraria tirar o cinturão dele”, provocou o brasileiro.

Invicto no MMA, com vitórias nas 13 lutas como profissional, Borrachinha nocauteou nada menos que 11 adversários e finalizou um. Só em uma ocasião é que o mineiro precisou da pontuação dos juízes laterais.

“Acho que o campeão tem que finalizar ou nocautear e eles não fazem isso. Vai ser uma luta que vai para decisão (dos jurados). É por isso que o povo quer me ver como campeão. Eu vou para matar”, disse o brasileiro, ridicularizando seus rivais.

Borrachinha conquistou o direito de desafiar o vencedor entre Whittaker e Israel após bater Yoel Romero no UFC 241, em agosto. Sendo assim, o mineiro irá para a sua primeira disputa de cinturão desde que estreou no Ultimate, em março de 2017. Porém, por enquanto, as atenções estão voltadas para Melbourne, na luta principal que acontece na madrugada de sábado para domingo.

Acesse o site do BetMais e aposte nas melhores lutas de MMA do mundo!

Você também pode gostar: